April 27, 2021

Não é proibido ser feliz

Escrito por: Rita Confalonieri

Quem nunca disse quando algo de positivo acontece conosco: “Sim, que booooooom, mas .... eu mereço isso?” (baixa autoestima), “quanto tempo vai durar?” (dúvida). O que nos impede de aproveitar plenamente o momento de felicidade, de viver profundamente no presente.

article preview

Quem nunca disse quando algo de positivo acontece conosco: “Sim, que booooooom, mas .... eu mereço isso?” (baixa autoestima), “quanto tempo vai durar?” (dúvida). O que nos impede de aproveitar plenamente o momento de felicidade, de viver profundamente no presente.

Um processo mental estereotipado começa de acordo com uma realidade construída em imagens alteradas por aqueles que perseguem seus próprios interesses específicos.

Viver com medo de ser feliz porque para ser feliz é preciso ter dinheiro e poder ou uma forma física que respeite as regras que alguém nos impõe.

O condicionamento nos leva a viver uma vida diferente, trazendo-nos frustração, ansiedade, estresse, instabilidade psicológica e emocional com causas muitas vezes irreversíveis.

Nós nos vemos lidando com pensamentos que não são nossos, mas que assimilamos ao longo dos anos, e nos vemos vestindo "roupas" que não nos pertencem.

Muitas vezes, porém, sofremos decisões alheias por preguiça de tomar uma posição ou por medo das consequências e tendemos a transferir a responsabilidade para os outros; família, sociedade, trabalho etc. porque é muito mais "confortável" do que correr o risco.

happy_calm

Hoje, mais do que nunca, é preciso reavaliar alguns conceitos como honestidade, valor moral, compartilhamento, solidariedade e muito mais para seguirmos um caminho correto de acordo com nossas atitudes e desejos. Em suma, a LIBERDADE de expressar e NÃO suprimir a alegria, a dor, a decepção, a criatividade, para quebrar as correntes que amarramos ao redor do nosso coração.

Tornar-se um adulto não é uma questão de idade, é tomar consciência de tudo que nos rodeia, desenvolver a capacidade de ver com os próprios olhos para aprender sobre nós mesmos além do que os outros construíram ao nosso redor e ter a força para mudar. E decidir o que nós querer ser.

É um processo muito difícil e longo, mas se você tiver vontade de fazê-lo, tenho certeza de que o levará à verdadeira sensação de estar aqui e agora.

Graças ao encontro com a organização internacional Mãos Sem Fronteiras, mas sobretudo com a JARDINERA (GUIA FUNDAMENTAL), comecei a arranhar um pouco a superfície e ainda tenho um longo caminho a percorrer, mas, graças a vocês, um novo mundo se abriu.

Meditação e Estimulação Neural são duas ferramentas de grande suporte a nível físico, mental e emocional que me ajudam a restabelecer o contato comigo mesma e a alcançar uma maior clareza.

Rita

Junte-se à nossa rede de escritores e comparta seu conhecimento em nossa plataformaContribuir
Escreva seus comentários